Facebook Twitter Youtube Flickr

Deputada Neusa Cadore

Você está aqui: HomeNotíciasNotícias em Destaque Bacia do Jacuípe une forças pelo combate à violência contra a mulher

Bacia do Jacuípe une forças pelo combate à violência contra a mulher

A campanha mundial “16 Dias de Ativismo Pelo Fim da Violência Contra a Mulher” teve início nesta sexta-feira, 24, no Território da Bacia do Jacuípe. A primeira atividade foi uma Audiência Pública organizada pela Subcomissão de Autonomia Econômica das Mulheres, da Assembleia Legislativa da Bahia e o Movimento de Organização Comunitária (MOC), que reuniu a Câmara Técnica de Mulheres, lideranças políticas, gestoras e organizações sociais, em Riachão do Jacuípe.

Um grupo de jovens ligados ao Movimento de Mulheres de Pintadas também provocaram os participantes com a encenação teatral “Maria, vai com as outras”, que discute de maneira lúdica o posicionamento das mulheres frente às desigualdades de gênero. Também teve a participação da professora Esmeralda Soares, de Riachão do Jacuípe, que animou o público com uma canção de própria autoria que trata da Lei Maria da Penha.

No evento que se estendeu pela manhã até parte da tarde foram debatidas a realidade da violência doméstica no Brasil e na região, bem como estratégias para prevenir e punir esse tipo de crime. Coordenada pela deputada Neusa Cadore, o painel que tratou da efetividade da Lei Maria da Penha, contou com as contribuições da professora Eulália Azevedo, da Secretaria Estadual de Políticas Para as Mulheres; da capitã Paula Queiroz, da Ronda Maria da Penha; e da coordenadora pedagógica do MOC, Vandalva Oliveira, do MOC.

A representante da Ronda contou que o programa nasceu para fiscalizar o cumprimento da medida protetiva, mecanismo previsto na Lei Maria da Penha, mas relatou a dificuldade de atender toda a demanda. “Em Salvador somos apenas 29 pessoas para proteger 607 mulheres, mas continuamos perseverando. Nosso interesse era levar essa segurança para todo mundo, temos plena vontade, mas não temos capacidade. Por isso esses espaços de discussão são fundamentais para a conscientização”, destacou. 

A professora Eulália falou da questão cultural. “Houve grandes avanços com a Lei Maria da Penha, sim, mas ainda não suficiente erradicar a brutalidade que é a violência de gênero. O feminicídio é a expressão da ideologia machista, racista, classista, homofóbica que na sociedade capitalista ganhou ainda mais espaço”. Já Vandalva falou da necessidade da articulação em rede. “Não vamos vencer a violência se não tivermos a força e a coragem uma das outras”, pontuou Vandalva. 

Durante evento também foi lançada a Campanha “O Problema também é meu! Não à violência contra mulheres”, que será articulada pelas organizações sociais para ampliar o debate nos municípios, alguns deles já saíram com agendas pré-definidas. Mas além da violência doméstica, as diversas intervenções refletiram sobre os retrocessos sociais, a exemplo do crescimento da onda conservadora que vem ameaçando o debate de gênero nas escolas. Em Nova Fátima, por exemplo, tramita um projeto de lei que visa proibir esse debate e o vereador Landinho informou pediu vistas à matéria e pretende ouvir a população a respeito. 

“A questão da violência é um problema nosso, desse Território e nós queremos chamara a atenção da sociedade”, afirmou a deputada Neusa Cadore. A parlamentar que também lidera a bancada feminina da Assembleia, lembrou o assassinato de muitas mulheres, como o da professora de Riachão, Ienata Rios, e apresentou uma série de propostas de lei que o Colegiado pretende aprovar no legislativo para fortalecer a luta defesa dos direitos das mulheres. Dentre as proposições está a que proíbe que agressores de mulheres condenados ocupem cargo público na esfera do estado. 

Já a sindicalista Antônia Oliveira fez um discurso forte chamando a atenção para a autonomia das mulheres. “Dizem que a mulher é dependente dos maridos, não somos. Eles não assinam nossa carteira, nem paga nosso INSS. Nós trabalhamos, parimos, não somos sexo frágil”, protestou. 

Além de Riachão do Jacuípe, a atividade reuniu participantes de 12 municípios do Território.

Quer ver mais fotos? Clique aqui

Ascom Neusa Cadore

Lourivânia Soares

 

Boletim Eletrônico

Cadastre-se e receba informações.

Vídeo em Destaque

Banner

Banner MÓVEL

Banner MÓVEL 2

 

Banner

Calendário de Notícias

« Dezembro 2017 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31

Nossos Contatos

Gabinete da Deputada Estadual Neusa Cadore Assembléia Legislativa da Bahia
Ed. Nelson David Ribeiro Gab. 305, 1º Av. 130 CAB
CEP: 417545-000 - 
Salvador/BA

Fone: 71 3115.7148
Fax: 71 3115.5486
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.